segunda-feira, novembro 15, 2010

Os Bandidos mais procurados do Brasil.

          Aí estão alguns dos bandidos mais procurados do Brasil com a carinha alegre, acima de qualquer suspeita. São criminosos comuns, mas que dá uma dor de cabeça para o cidadão que você nem imagina. São crimes do tipo: Contra a honra, patrimônio, dignidade sexual, incolumidade pública, patrimônio histórico, administração da justiça. Econômicos, etc. Quem comete estes tipos de crime são capazes de cometer qualquer outro tipo, então fiquem atentos.
          Não se deixe levar pelas aparências. Se você vir um deste por aí, em qualquer lugar do Brasil, cuidado! São bandidos perigosos, então DENUCIEM.
Daniel (Vulgo:  "Pacú")
Depois de ter fugido mais uma vez do presídio de segurança máxima em São Paulo, "Pacú" que estava longe da lista dos 10 mais procurados voltou à ativa, e ao seu posto de criminoso mais procurado do Brasil. A polícia acredita que ele já não esteja como aparece na foto, mas com um cavanhaque e provavelmente com o cabelo mais curto. Daniel, o Pacú, é procurado por diversos crimes, mas um dos mais tradicionais que ele vem cometendo é a venda de cogumelos que até hoje não sabemos de que sítio ele tem tirado tanto cogumelo, e incentivando "amigos" e adolescentes a essa prática do chá de cogumelos. Acredita-se que ele vem agindo com seus irmãos de crime que já haviam começado nesse mercado de cogumelos. Mas por enquanto não achamos nenhuma foto dos supostos criminosos: Flavio (também conhecido como "Tainha") e Ricardo (conhecido como "Polenta").

Marcelo (Vulgo: "Lukin")
Procurado por tentar tomar a frente de uma das empresas mais importantes no ramo de internet no Brasil, e também por tentar monopolizar o mesmo marcado. Acredita-se que ele trabalha sozinho, mas a polícia ainda está procurando mais informações sobre possíveis fontes que estariam contrabandeando mercadorias para ele. Seu último e mais famoso crime foi o roubo dos 2 milhões de dólares do banco do estado de São Paulo, que teria acreditado nos serviços do Marcelo (o Lukin). Então não deixe que ele monopolize o nosso mercado da internet e DENUNCIE!

Julio (Vulgo: "Marginal")
Procurado por abusar de meninas indefesas com idade média de 13 anos, idade que ele mais gosta de agir! Acostumado a abordar menininhas no norte do Brasil, Marginal começou a abordar as menininhas no estado de São Paulo, tendo inúmeros casos registrados no 23DP de Santo André. Nas horas vagas esse criminoso ainda acha tempo para atropelar cachorros nas ruas por pura diversão. Com o Motoboy na prisão, Marginal se tornou um dos mais procurados do Brasil, perdendo somente para traficantes como o "Pacú" e o "Lukin".

Thiago (Vulgo: "Piuí")
Tem como característica o abuso de mulheres, mas no seu caso mulheres com 30 ou 40 anos a mais que ele. Ele vem cometendo esses crimes dez de pequeno, quando deixava tudo de lado para seguir mulheres com no mínimo 3 vezes a idade dele. Depoimento de conhecidos dizem que ele chegaria atrasado no jogo de futebol no seu clube só para seguir e tentar abordar suas vítimas. Uma tática que "piuí" usa e, fazer com que a sua banda (que se acredita que tenha ligações com os seus crimes) toque em barzinhos freqüentados por senhoras na faixa etária de 50 anos (que ao que tudo indica e a idade média das vítimas que ele faz), e assim fazendo mais fácil para que ele consiga suas vítimas. Portanto você, minha senhora, fique alerta a uma possível abordagem, e não se deixe levar pela aparência desse indivíduo.
Gabriel (Vulgo: Gagá)
Procurado por roubos e venda de guarda-chuvas, "Gagá" é classificado como profissional no ramo. Um dos maiores, se não o maior contrabandista de guarda-chuvas da América Latina, procurado em todos os estados do Brasil. A última pista que se tem é que "Gagá" esteja morando em uma de suas mansões em Santo André, e continue trabalhando com sua quadrilha. A Polícia Federal achou ligações de "Gagá" com Julio ("marginal") e Thiago ("Piuí"), que estariam se aproveitando do contrabando de guarda-chuvas e dando os mesmos as vítimas que eles fazem, como cantada. "Gagá" é famoso pela tentativa frustrada de contrabandear guarda-chuvas pro Nordeste, e agora suspeito de tentar alagar bairros de São Paulo, fazendo com que comprem mais de sua mercadoria. Se você viu esse cidadão andando por aí de guarda-chuvas, DENUNCIE, não pense duas vezes, mesmo se ele tentar te subornar com guarda-chuvas.

Wellington (Vulgo: "Élito" "Arnóbio", "Lordy")
Wellington tem inúmeros apelidos, pois assim como Marcelo (o "Lukin") está envolvido no contrabando e tentativa de monopólio de computadores. E ele, pelo perigo de um possível rastreamento muda os seus apelidos assim como camaleão muda de cor. Apesar de estar no mesmo ramo que "Lukin", a Polícia Federal ainda não achou nenhuma pista para uma possível conexão, ou mesmo formação de quadrilha. Mas mesmo trabalhando sozinho esse indivíduo é muito perigoso para a sociedade. A polícia tem desconfiado que ele tenha passado um ano no Japão para tentar trazer uma tecnologia mais avançada e assim facilitar o seu objetivo, o monopólio. Então se você se encontrar com "Lordy", "Élito", "Arnóbio", etc. em uma das salas de bate papo do UOL, tenham cuidado, pois ele poderá ter tomado o controle total do seu computador, e DENUNCIE se ele tentar te destruir.

Bruno (Vulgo: "Pixú")
Procurado por tentar acabar com os ouvidos de pessoas que vivem ao seu redor, primeiro usando como arma o seu violão e agora a sua bateria. "Pixú", nos seus primeiros anos de crime tocava "Sultans Of Swing, Dire Straits" quase 24hs por dia tentando fazer com que todos se suicidassem, mais ao que tudo indica, ele aprendeu a tocar, o som ficou agradável, e ele teve que mudar de tática e comprou uma bateria. Mas a polícia ainda não achou nenhuma evidência que pessoas já tenham sido vítimas fatais desse criminoso. Então se você é a favor da Bossa Nova, Caetano, Gil, Gal Costa, etc. DENUNCIEM. Pois bandido como esse tem que ser colocado atrás das grades e sem direito a nenhum instrumento musical.

Luiz Gustavo ("Arthú")
Procurado por diversos furtos: Desde roubo de logotipos de carros, até bolas de boliches. Acredita-se que ele só age com a sua quadrilha que saem andando pela cidade aterrorizando as vizinhanças e roubando tudo o que vêem pela frente. Mas a polícia acredita que ele tenha arrumado um serviço em um dos bancos mais ricos do Brasil e esteja tentando aplicar um golpe, maior ainda que a privatização do Banco Banespa. Então é por isso que a Polícia Federal pede que se você vir esse rostinho de inocente em um dos bancos do Brasil, com a frase "Funcionário do Mês" logo abaixo, cuidado, pois ele poderá estar te aplicando um golpe infalível. Para o bem da sociedade, DENUNCIE, e não deixe que criminosos como esses fiquem soltos pelo nosso país.

Luciano (Vulgo: "Lutti")
Procurado por ligações com a Máfia Italiana, Luciano é um criminoso terrível que tudo o que indica já tem uma rede de pizzaria como parceria, e o seu irmão, também com parte na Máfia (o Ugo *), estaria tentando tomar frente de uma rádio e utilizá-la para uso da Máfia. "Lutti" descontente com os investimentos estaria possivelmente se unindo a Máfia oriental (mas precisamente Japonesa) que já domina o mercado de Locações em São Paulo. É por isso que a Polícia Federal está tentando flagrar essa suposta união (quase consolidada) da Máfia Italiana com a Máfia Japonesa. Então se você tiver alguma informação sobre esses mafiosos, DENUNCIE, pois a nossa sociedade só depende de você.
 
Henrique (Vulgo: "Romário")
Procurado por tentativa de acabar com a arte do futebol brasileiro, e por contrabando de esfihas, coxinhas e salgadinhos em geral pra uma das diversas cantinas que ele é dono, e por uma provável ligação com a Máfia Italiana, no caso Luciano Ugo e companhia. Henrique tem como característica jogar tudo o que sabe de futebol (não muito) para fazer com que os brasileiros passem a gostar mais de ping-pong ou qualquer outro esporte do que Futebol. "Romário" conta com o apoio de sua mulher Ana Cristina que estaria dando forças pra ele continuar com essas terríveis apresentações do suposto futebol que todos conhecem muito bem. A Polícia tem informações o suficiente para acreditar que Henrique tem ligação com a Máfia, por terem visto ele muitas vezes em companhia da mesma. Então se você ver esse criminoso pelas ruas ou clubes do Brasil, DENUNCIE.

Número 11 - Gustavo (Vulgo: "Castelinho", "Guga", "Van Dame").
Procurado pela Polícia Federal, CIA e FBI por difamar e inventar histórias de amigos, que por muitos anos pensaram que ele nunca faria isso, e muito menos que colocassem em uma página na internet, ao alcance do mundo inteiro. Informações dizem que ele estaria agindo nos Estados Unidos, pois assim ficaria mais fácil por não ter nenhuma reação de amigos, que o matariam apos tais difamações. A Polícia diz que ele estaria arrependido por todas as mentiras, mas poucos acreditam nisso. E se você ver esse sujeito andando pelas ruas, não se esqueça de DENUNCIAR, mas antes peça o seu autógrafo, pois não é todo dia que você encontrará um galã que nem esse andando pela rua. Faça a sua parte, e se você for mulher, não pense duas vezes e pule em cima dele e cubra-o de beijos, mas cuidado, pois ele é alérgico a mulher feia.
edudoroteu@gmail.com

2 comentários:

Anônimo disse...

se ruela

Anônimo disse...

tudo viado